Maratona Carnavalesca do Oscar 2013 – as animações

Dando sequência à maratona carnavalesca pré Oscar 2013, as animações indicadas estão realmente boas. Nada no nível ‘Chico y Rita’ – animações adultas, desenho animado tradicional, não anglófona – mas todas, sem exceção, de altíssimo nível.

Já havia falado aqui sobre “Detona Ralph“. Não tinha falado nada sobre “Frankenweenie” sei lá por que, mas é uma graça. Então ontem corrigi a defasagem de não ter visto “Piratas Pirados”, “ParaNorman” e “Valente”. Todos. Na sequência. Minto: fiz um intervalo pra jogar Zumba Fitness no Kinect e praticamente gabaritar Dança do Ventre (não que eu saiba dançar dança do ventre) e um country celta que tem um quê de bollywood (??????), além de provar que eu sambo melhor que um videogame. Sim, eu ainda tinha dúvidas sobre isso.

“Piratas Pirados” é, de longe, meu favorito: pra começar, é da Aardman, e eu sou fã da Aardman muito mais que da Disney-Pixar. Aí tem a trilha sonora, só com o fino do pop-rock do Reino Unido. E tem piratas, Charles Darwin, a Rainha Victoria, um dodo, um pirata travesti, piadas sobre teoria evolucionista e um humor MUITO calcado em Monty Python, o que é suficiente pra qualquer filme ser sensacional.


https://www.youtube.com/watch?v=EPJF6mR6krM

Não que eu não tenha gostado de “ParaNorman“. Também amei a história de terror produzida num stop motion inacreditável, sobre o menino que sofre bullying na escola e em casa por ser esquisito (ele fala com mortos), até o dia em que seu dom salva a cidadezinha onde vive – amaldiçoada por uma bruxa, é seu dever quebrar a maldição. Zumbis, piadas gays (juro!), mais zumbis e uma sequência de dar medo em criancinha fazem de “ParaNorman” também um filmaço. 2012 foi, sem dúvida, um ótimo ano para a animação – e olha que Madagascar 3 não está no páreo, apesar de ter me proporcionado as gargalhadas mais descontroladas dos últimos tempos.

Por fim, “Valente“, a história da ruivinha escocesa destemida que, por não querer casar, amaldiçoa sua mãe por engano, transformando-a em um urso – e não apenas precisa quebrar a maldição, como defender a mãe da macharada da cidade – todos querendo provar que são caçadores destemidos. Acabei de ver um marmanjo de 43 anos aqui, vibrando com uma cena de luta. É um bom sinal.

(suspeito que a academia vá de “ParaNorman”. É um palpite)

Leia também as resenhas da maratona dos concorrentes a melhor filme.

Anúncios

Publicado em fevereiro 12, 2013, em Sem categoria e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: