Dúvida sobre narrativa. Alguém?

Afinal, toda narrativa dramática pressupõe necessariamente um final? Essa ‘narrativa do eu’, documentação online de processos permanentes de subjetivação, de devires, de épocas históricas, feita diariamente por centenas de pessoas em diferentes plataformas digitais, não poderia ser considerada uma narrativa dramática cross-media? Afinal, estamos sendo assistidos por espectadores que interagem com essas narrativas, e todas elas complementam a informação principal (que, obviamente, é a vida real/offline). Ou toda narrativa precisa necessariamente ter um final estabelecido, o que invalidaria o conceito de ‘narrativa’ pra esses tipos de registros?

Alguém? Bueller? Alguém?

Anúncios

Publicado em agosto 25, 2009, em Sem categoria e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: