Tinha escrito um texto enorme sobre o fim de “Sex & the City” para publicar aqui, mas desisti. Muito pessoal. Muito lugar-comum. Mau-humorado, deprimente e desnecessário, não gostei. Está guardado, como tantos outros escritos, esperando o veículo certo para publicação ou a faxina geral no hd. Mas vocês podem ver as homenagens que Patrão 01 e Patrão 02 fizeram, melhor do que qualquer texto. Vão lá.

* * *

Não tirei os comentários, foi problema no Falou & Disse mesmo. Quem tiver uma necessidade insana de comentar algo, pode fazê-lo por e-mail ou icq. Não, não darei meu número de icq. Quem não tiver, use e-mail, ora pipocas. Que idéia.

* * *

Algumas partes da bicicleta se soltaram depois do tombo, a saber: correia, lanterninha traseira e um pedaço do pedal esquerdo. Preciso levá-la para consertar, mas agora nem dá: às 18:30 tem “A Mulher Vespa”, do Roger Corman, na Cinemateca do MAM. Quatro reais, dois com carteirinha, curta do Ivan Cardoso antes, e eu sei que ninguém vai, primeiro pela propaganda em cima da hora, segundo porque não creio que muita gente goste dessas coisas. Sempre foi assim. Em uma das agendas velhas, a de 1991 (eu tinha treze anos), achei um pôster do Bela Lugosi. Certas coisas não mudam nunca.

Acho, inclusive, que a Cinemateca do MAM deveria ser mais freqüentada – mas se eu mesma, que já trabalhei lá, sou uma freqüentadora vergonhosamente bissexta, imagino o resto do mundo.

* * *

Sobre o tombo, ninguém perguntou mas os hematomas estão começando a clarear. E dá-lhe pomada de arnica.

Sabe aquele tremor de terra na Zona Sul do Rio quinta-feira passada à tarde? Fui eu, caindo; a verdade é que eu deveria ter caído mais vezes durante minha fase de crescimento vertical. Não dói, do chão não passa, e agora penso em quanta coisa perdi por medo de me machucar.

Criança intelectual é foda.

* * *

Momento querido diário: hoje experimentei tirar fotos com ‘máquinas’ pinhole, aquelas feitas com uma lata, um furinho e papel fotográfico, lá no trabalho. Desde pequenininha sou familiarizada com este processo, mas só na teoria. Na prática, um problema com o revelador (foi minha primeira incursão num laboratório fotográfico também) fez com que nenhuma foto saísse – mas a experiência de cronometrar tempo de exposição e montar o laboratório satisfez em parte minha curiosidade. Curti.

* * *

Links do dia:

Urban Collective.com, cortesia do Gabrig.

Receitas para microondas, conseguidas com o auxílio do Google e que certamente me deixarão com uma sensação de bem alimentada enquanto o gás não volta.

Museu de aspiradores de pó – será que já não coloquei isso aqui?

The Meteors, essa banda é boa demais.

Anúncios

Publicado em agosto 27, 2004, em Uncategorized e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: